Sobre embalagens e produtos

Nas minhas andanças futebolísticas a última novidade que descobri é o “The Football League Show“, um programa com os melhores momentos de algumas partidas e os gols de toda a rodada da segunda, terceira e quarta divisões do futebol inglês.

football league show

O formato do programa é quase igual ao outro programa da BBC que fala sobre futebol, o “Match of the Day“. A diferença é que há dois “Match of the Day” por semana, um aos sábados e outro aos domingos, portanto há mais tempo para mostrar os melhores momentos, análise tática e conversa sobre as partidas. No “The Football  League Show” há muito mais partidas para serem transmitidas e apenas um programa por semana.

Porém o que chama a atenção são dois detalhes. Primeiro, a forma do espetáculo. Tanto os programas quanto as partidas são excelentemente produzidos. É muito interessante, mas mesmo na terceira ou quarta divisão, os estádios são lindos, todos com assentos numerados, e com alta presença de público. Não por acaso o Championship (segunda divisão) tem média de público 50% maior que nosso Brasileirão. Os gramados são verdadeiros tapetes. Os uniformes são padronizados. Não existe “macacão de fórmula um”, patrocínio só na frente e o patch da liga na manga. Impressiona ver como os ingleses reconstruíram seu futebol após uma segunda metade dos anos oitenta catastrófica.

football league show1

As finais dos campeonatos também são muito legais. Os dois primeiros de cada divisão são promovidos automaticamente, e os quatro subsequentes disputam um playoff pela vaga remanescente, cuja final é disputada em Wembley. Então vemos partidas de times de segunda, terceira e quarta divisões em Wembley, levando públicos impressionantes tanto para os clubes, muitos dos quais pertencentes a pequenas vilas do interior da Inglaterra, como também pelo fato de serem disputadas muitas vezes em dias de semana.

Ainda falando de forma,  os programas são legais. No Brasil o que há são as insuportáveis mesas-redondas. Não importa se Galvão Bueno seja um insuportável populista, Milton Neves um desonesto intelectual, Juca Kfouri um pedante elitista ou PVC um cara de memória prodigiosa. Não são os personagens que estão errados. É o formato. É enervante assistir um bando de gente, muitas vezes palpiteira, falando, falando, falando sobre futebol, enquanto não se vê nenhum futebol.

No MOTD e no TFLS o que se vê é futebol. Jogos. Gols. Quando há papo, ele se dá a respeito das partidas. Como há mais tempo no MOTD, eles usam recursos gráficos (tipo Supertirateima) para ilustrar as análises, mas análises se dão sobre as partidas. O TFLS chega a ser ainda melhor. Pois é uma avalanche de gols. Imagina uma hora e vinte minutos para passar gols de 36 partidas, sem perder nenhuma (a não ser que a partida ocorra no domingo). É uma verdadeira orgia futebolística. Enquanto isso, no Brasil há uma “narração de foda”.

_46498777_77674726

Agora, falando de conteúdo… bem… se a forma é  quase perfeita para um adorador de futebol, o conteúdo deixa a desejar. Algumas partidas do Championship chegam até a exibir certa qualidade. Assim como no Brasileirão Série B há bons jogadores e boas partidas, há bons jogos e boas partidas na segundona inglesa. Mas quando os jogos passam a contemplar times na segunda metade da tabela ou (pior), divisões inferiores, a coisa pega. Voltamos àquele célebre jogo de chutões, correria e chuveirinhos para a área. Gols oriundos de pixotadas grotescas dos goleiros, tropeções épicos dos zagueiros ou então dum centroavante trombador que empurra tudo e todos pra dentro do gol começam a pulular. E nem dá pra culpar os gramados pelas falhas. Eles são perfeitos.

football league

Aí percebemos. Não pode existir outro país do futebol senão a Inglaterra. Que outro país conseguiria colocar 10.000, 15.000 pessoas num jogo de terceira ou quarta divisões, cuja qualidade não é melhor que aquela pelada de várzea no campinho de terra lá do seu bairro?

Agora, como fazer para assistir essas pérolas do futebol alternativo? Welcome to the world of torrent…

Anúncios

2 Respostas para “Sobre embalagens e produtos

  1. Gostei. Parece ser tudo muito interessante, eles vendem mesmo o negócio… tudo bem que ainda estão muito atrás (e talvez sempre estarão) dos americanos, reis eternos do marketing esportivo.

    Mas a pergunta que eu faço-lhe é: leva 10000 pessoas porque os estádios são organizados ou os estádios são decentes porque as 10000 pessoas estariam ali sob qualquer circunstância, faça chuva ou faça sol???

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s